Harmonizando churrasco com vinhos

imagem: Ilustrativa

Um dos eventos preferidos dos brasileiros certamente é o tradicional churrasco no fim de semana.

A preferência nacional para acompanhar a popular picanha do domingo ainda é a cerveja, mas garanto a vocês que a exemplo dos nossos “hermanos” argentinos e uruguaios, as carnes grelhadas ficam maravilhosas acompanhadas de um bom vinho, especialmente nesta época do ano, com o clima mais frio.

Algumas regras, porém, devem ser observadas quanto ao modo de preparo: ponto da carne, temperos, molhos, gordura e suculência para escolhermos o vinho ideal. Outra regra fundamental é observar o sal. Como o nosso costume é temperar com sal grosso, temos de lembrar que, para carnes mais salgadas, devemos escolher vinhos com menos taninos e vice-versa.

imagem: Ilustrativa

Os cortes e suas combinações
A picanha, que é nosso corte preferido, macia e suculenta, envolvida em uma capa de gordura fica ótima com um bom malbec argentino. Dentre as garrafas deste varietal que provei recentemente, destaco Alta Vista Premium Estate Malbec 2017 (R$ 129). Um verdadeiro achado, sendo uma das melhores escolhas entre os tintos malbec na mesma faixa de preço. Possui cor rubi e aromas de frutas vermelhas maduras, combinados a notas de especiarias. Na boca, é um vinho redondo e concentrado, marcado por taninos finos e muito sabor. Esse vinho recebeu 91 pontos do famoso crítico americano Robert Parker.

O sabor marcante da costeleta de cordeiro harmoniza com a estrutura de taninos, corpo e acidez de um cabernet sauvignon do Chile. Um grande exemplar é o Arboleda Cabernet Sauvignon 2016 (R$ 189). Um vinho elegante e encorpado. Com taninos sedosos e maduros, esse cabernet sauvignon com uma pequena proporção de cabernet franc e syrah é complexo e estruturado. Seu afinamento em carvalho se deu durante 12 meses, o que lhe confere notas de baunilha, especiarias, como pimenta preta, além de toques de chocolate e tabaco. Harmonização perfeita!

A fraldinha, macia e magra, pede um vinho mais leve, com taninos mais suaves como, por exemplo, um mer – lot. Existem, claro, vários e ótimos no mercado, mas o Gran Monte Merlot talvez seja um dos melhores custo/ benefício atualmente (R$ 63,90). Elaborado com uvas provenientes dos vinhedos de Sagrada Família, no Valle Central, revela grande elegância e equilíbrio. É um vinho redondo e complexo, destacando-se por notas de ameixas e amoras maduras, mescladas a toques de pimenta preta.

Eu sempre inicio o churrasco com uma boa linguiça toscana acompanhada de um espumante brut. A gor – dura da linguiça é suavizada por sua acidez e frescor. Recomendo a Cave Geisse Brut (R$ 98), considerado um dos melhores espumantes do Brasil. Maravilhoso!

https://www.tonel55.com.br/

imagem: Ilustrativa

Seleção por Sidnei Brandão Nesta edição de Viva Digital S.A., ele selecionou dois rótulos para compartilhar com os leitores:

Arboleda Cabernet Sauvignon 2016: https://www.tonel55.com.br/tipo/tinto/arboleda-cabernet-sauvignon-2016

Alta Vista Premium Estate Malbec 2017: https://www.tonel55.com.br/tipo/tinto/alta-vista-premium-estate-malber-2016

 

 

 

Comentários

WORDPRESS: 0
Já está indo embora :´(
Assine nossa newsletter antes, e receba as noticias de Alphaville e região ; )